terça-feira, 7 de junho de 2011

Apple apresenta iCloud e novas actualizações de software

iCloud

Na voz de Steve Jobs, a Apple apresentou ontem na abertura da Worldwide Developers Conference, em São Francisco, o seu novo serviço de armazenamento na “nuvem” – o iCloud. A empresa deu a conhecer também novas actualizações do seu software para Mac e dispositivos móveis.

O iCloud já vinha sendo anunciado há algum tempo e está, desde ontem, disponível para programadores prometendo facilitar a troca de conteúdos entre dispositivos móveis e PC. Como o serviço de armazenamento está na "nuvem", o iCloud garante assim que a actualização de um conteúdo num dispositivo da marca esteja quase imediatamente disponível nos restantes, sejam quais for os conteúdos.

Com o novo serviço, cada utilizador tem acesso gratuito a 5GB de espaço para guardar emails, documentos e backups. O armazenamento de música, aplicações e livros comprados à Apple e o armazenamento necessário para o Photo Stream (também apresentado ontem), não conta para ocupar estes 5GB. Os preços para o espaço adicional de armazenamento serão divulgados no Outono quando o serviço ficar disponível.

Para além disso, foi apresentado também o iTunes Match, "um serviço que substitui a música com uma versão 256 kbps AAC sem DRM se a conseguirmos relacionar com uma das 18 milhões de músicas na iTunes Store", explica a Apple. Este serviço "faz com que a música relacionada fique disponível em minutos e faz o upload apenas da pequena percentagem de música que não conseguiu relacionar", acrescenta a mesma fonte.

No que diz respeito ao software, a empresa de Steve Jobs apresentou ontem novas versões de sistemas operativos para Mac e dispositivos móveis. A Lion SO, para Mac, conta com 3 mil novas APIs para programadores e cerca de 250 novidades para os utilizadores, sendo que, por sua vez, o iOS 5 acumula cerca de 200 novas funcionalidades. Estas actualizações de softwareestão disponíveis a partir do próximo mês e do Outono, respectivamente.

Na abertura da conferência, a Apple revelou também vários números acerca dos seus dispositivos, destacando que já foram vendidos 200 milhões de terminais com o sistema operativo iOS e que, ao nível dos iPads, foram já vendidas 25 milhões de unidades.

Fonte: Tek

Nenhum comentário:

Postar um comentário