terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Wikipedia encerra por um dia


A versão inglesa da Wikipedia vai estar offline durante todo o dia de amanhã em protesto contra duas polémicas leis anti-pirataria que estão a ser debatidas nos EUA
A popular enciclopédia on-line, e um dos sites mais visitados em todo o mundo, decidiu desta forma juntar-se aos que se opõem às polémicas leis SOPA (Stop Online Piracy Act) e PIPA (Protect Intellectual Property Act), que estão a ser debatidas nos EUA e têm como objectivo lutar contra a pirataria na Internet.

A proposta mais polémica é a SOPA, que prevê, entre outros aspectos, o bloqueio de sites estrangeiros que vendam ilegalmente conteúdos protegidos com direitos de autor.

Este bloqueio poderá abranger também anúncios on-line para os sites e os motores de busca, que terão de impedir os links para sites com aquele tipo de conteúdos.

Citado pela agência Reuters Jimmy Wales, o criador da Wikipedia, considera que estas propostas representam uma ameaça para o futuro da Internet e o seu cariz aberto.

O fundador da enciclopédia on-line sublinha contudo que «acredito que os detentores dos direitos de autor têm razões legítimas, mas há formas de abordar o assunto que não envolvem a censura».

O protesto apenas incide na versão em inglês da Wikipedia, que vai estar quase apagada durante o dia de amanhã.

A única excepção, tal como acontecerá com outros sites que vão aderir ao apagão, é o acesso a conteúdos relacionados com as duas leis.

Além da Wikipedia, outros gigantes da Web, como a Google, o Facebook, o Yahoo ou o eBay já se mostraram contra os diplomas, assim como responsáveis da Casa Branca, avança a agência noticiosa.




sol.sapo.pt

Nenhum comentário:

Postar um comentário