quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Chip 64-bit do iPhone 5S é truque de marketing da Apple, diz executivo da Qualcomm

Para vice-presidente sênior da fabricante, uso dessa tecnologia no smartphone não traz nenhum benefício imediato aos usuários.


O processador A7 de 64-bit do novo iPhone 5S é mais uma jogada de marketing do que uma melhoria técnica, afirma vice-presidente sênior da Qualcomm, Anand Chandrasekher. Segundo ele, apesar de a novidade não entregar nenhum benefício imediato aos usuários, existem outras razões para mudar para 64-bit.
“Sei que há muito barulho por causa a Apple incluiu (64-bit) no seu A7”, afirmou o executivo. “Penso que estão fazendo um truque de marketing. Não há nenhum benefício que o consumidor ganhe com isso.”
Um benefício de 64-bit é mais acessibilidade à memória, mas isso não é relevante nos smartphones e tablets atuais, aponta Chandrasekher. O iPhone 5S tem 1GB de RAM.
“Predominantemente...você precisar dele para acessibilidade de memória além de 4B. É isso. Você não precisa realmente dele para desempenho, e os tipos de aplicativos em que o 64-bit é mais usado são grandes aplicativos para servidores”, aponta Chandrasekher, que anteriormente trabalha na parte de plataforma mobile da Intel.
O iPhone 5S é o primeiro smartphone a ter um chip 64-bit, e quase um ano à frente dos seus rivais Android. Até o momento, os chips 64-bit tem sido mais usados em computaodres e servidores, mas os méritos da tecnologia em aparelhos móveis tem sido quesitonados.
A Apple afirma que o iPhone 5S é duas vezes mais rápido do que seu antecessor, e que o A7 leva computação no estilo de um desktop para o smartphone. Mas testes de benchmark levantaram questões sobre quanto dos ganhos reais de desempenho podem ser creditados puramente às capacidades do chip 64-bit.
A Qualcomm é uma das principais fornecedoras de chips para smartphones e tablets, e seus processadores Snapdragon são usados em smartphones Windows Phone e Android. A fabricante diz que em algum momento vai entregar um chip móvel 64-bit, mas vê a mudança como mais benéfica pelos pontos de vista de engenharia, design de chip e sistema.
Fonte: http://macworldbrasil.uol.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário