quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Presidente da TV Cultura defende publicidade por permuta



Em entrevista ao site Notícias da TV, Marcos Mendonça, atual presidente da TV Cultura, cargo que assumiu em junho, criticou a gestão anterior e defendeu a publicidade por permuta – entre veículos de comunicação – para cortar custos.
Mendonça substituiu João Sayad, mas herdou, segundo suas palavras, "uma dívida gigantesca". Para pagar as contas deste ano, o canal irá precisar de R$ 36 milhões. A emissora já gastou 90% do orçamento para 2013.
"Estamos negociando com o governo e tomando providências. Esse número pode ser alterado um pouco pra baixo, um pouco para cima", disse em entrevista para o jornalista Daniel Castro.
Mendonça também defendeu a publicidade por permuta para cortar gastos. "Gastou-se muito dinheiro com publicidade em jornais, outra ação que poderia ser feita com permuta. Você dá um crédito pra Folha e ela te dá o mesmo crédito. Isso é uma prática usual dos meios de comunicação", disse.

Fonte: http://www.adnews.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário