quinta-feira, 26 de março de 2015

Petrobras suspende propaganda de 'superação' após decisão do Conar



A Petrobras suspendeu a veiculação da propaganda da empresa sobre "superação", depois que o Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) determinou a alteração da peça, no último dia 12.
Em nota, a estatal diz ter sido notificada da decisão no dia 23 de março, e que "providenciou a suspensão imediata do filme "Petrobras - Ontem, hoje e sempre superando desafios". A empresa tem até dia 6 de abril para recorrer da decisão do Conar.
A controvérsia
Na campanha, no ar desde o final de janeiro, a estatal afirma que "hoje os desafios são outros. Por isso, estamos aprimorando a governança e a conformidade na gestão". Assista ao vídeo
O processo foi aberto no Conar após denúncia do deputado federal José Carlos Aleluia (Democratas-BA). O parlamentar pedia a suspensão da propaganda, com base no artigo 23 do Conar, que ressalta a importância de um anúncio “não abusar da confiança do consumidor, não explorar sua falta de experiência ou de conhecimento e não se beneficiar de sua credulidade”.
Para Aleluia, o comercial promove “proposital confusão” ao querer relacionar a descoberta dos primeiros poços de petróleo, ou mesmo do pré-sal, com as consequências da operação Lava Jato na empresa.
Segundo o deputado, a campanha trata o escândalo de corrupção na empresa como exemplo de desafio a ser superado. "Não é desafio, são atos ilícitos que demandam rigorosa apuração e punição dos envolvidos”, argumentou.
Embora tenha votado pela alteração do comercial, por considerar que a campanha pode levar o consumidor a uma confusão, o Conar não determinou a retirada de nenhuma parte ou frase específica da propaganda. Segundo a assessoria de imprensa da entidade, a decisão pede que seja alterada a estrutura da campanha, de forma que "não seja apresentada uma equivalência entre os desafios históricos e os desafios atuais".
Petrobras diz aguardar comunicação do Conar

Em resposta a questionamento feitos pela imprensa, a Petrobras divulgou uma resposta no início de fevereiro dizendo que a campanha "não tem por objetivo tratar de nenhuma questão relacionada à Operação Lava Jato".
"Nos últimos anos, a Petrobras vem desenvolvendo sempre uma grande campanha institucional anual, a fim de comunicar os desafios da empresa e contribuir para a implementação de sua estratégia corporativa e os resultados do negócio. A campanha "Superação" segue este padrão, reforçando o histórico de superação de desafios, à luz do contexto atual, em que somam-se objetivos de performance operacional com o aprimoramento da governança e conformidade na gestão da empresa", disse a companhia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário