segunda-feira, 29 de junho de 2015

Conar suspende propaganda de Whatsapp, Facebook e Twitter "grátis" da Claro

Órgão expediu liminar suspendendo a propaganda. A operadora foi denunciada pela TIM



O Conselho de Autorregulamentação Publicitária (Conar) emitiu liminar suspendendo a campanha da Claro que promete “Whatsapp, Facebook e Twitter grátis dentro da franquia". O caso está sendo analisado pelo Conselho de Ética do órgão, que suspendeu a propaganda no dia 22 de julho. Apesar da medida, o comercial ainda continua no ar.

A ação do Conar é resultado de uma denúncia da TIM, que argumenta que o uso da palavra “grátis” não é verdadeiro, já que o assinante paga para ter acesso ao serviço. O julgamento do caso deve ocorrer em julho. Vale lembrar que a TIM já foi denunciada por oferecer uma promoção similar. A operadora ainda se defende na Justiça da acusação de propaganda enganosa no plano Infinity, ao oferecer tarifa zero no Whatsapp. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário