quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Instagram anuncia início da venda de publicidade no Brasil


A partir deste mês, grandes e pequenos anunciantes poderão rodar campanhas no Instagram. Os anúncios estão disponíveis em mais de 30 países, como Brasil, Argentina e México , e chegarão a mais lugares no dia 30 de setembro.  Segundo a equipe do Instagram, há uma demanda significativa por publicidade no serviço, especialmente em áreas como e-commerce, viagem, entretenimento e varejo.
Além das possibilidades de segmentação com base no interesse dos usuários em moda, esportes, carros ou comida,  os anunciantes também terão acesso a novos formatos de anúncios que os ajudam a atingir diferentes objetivos, permitindo que pessoas saibam mais sobre o que as interessam ou mesmo que comprem um produto diretamente do Instagram.
Nos últimos meses, a possibilidade de anunciar no Instagram era exclusividade de algumas marcas, que vinham participando dos testes realizados em diversos países, Incluindo o Brasil.  Desde 13 de abril, os usuários do Instagram no país visualizam campanhas de 20 marcas. Entre elas, Avon, Coca-Cola, Visa e Volkswagen. DE acordo com a equipe do serviço, 97% das campanhas mensuradas no Instagram geraram resultados significantes no aumento da lembrança da marca (lift em ad recall).
Os anúncios aparecerem no formato de fotos e vídeos no feed dos usuários, sempre marcados com a palavra “Patrocinado” acima da imagem.
Entre os novos recursos disponíveis para as marcas anunciantes estão:
  • Fotos e vídeos em formato paisagem para inspirar novas oportunidades criativas e dar aos anúncios uma roupagem mais cinematográfica;
  • Anúncios em vídeo de até 30 segundos de duração para que marcas possam engajar em histórias ainda mais ricas em detalhes;
  • Marquee, um novo produto premium que ajuda a gerar awareness em massa e expandir o alcance em pouco tempo - perfeito para eventos como a estreia de um filme ou o lançamento de um produto;
  • Ferramentas de entrega e otimização para gerenciar e gerar a melhor performance das campanhas por meio do Facebook e do Instagram.

Nenhum comentário:

Postar um comentário